Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Descobrir Leiria

"Quando não se tem aquilo que se gosta, é necessário gostar-se daquilo que se tem" Eça de Queiroz

"Quando não se tem aquilo que se gosta, é necessário gostar-se daquilo que se tem" Eça de Queiroz

Hostel temático vai nascer na Aldeia da Pia do Urso

O Hostel da Pia do Urso, um conceito inovador promovido pelo Município da Batalha, será uma realidade no próximo mês de Março. Este projecto conta a assinatura da Arquitecta Joana Marcelino e já é célebre graças ao design, bem como pelo conceito temático em torno do Ecoparque da Aldeia da Pia do Urso e pela ligação ao Centro de BTT da Batalha.

O Hostel da Pia do Urso dispõe de uma capacidade para 32 hóspedes, disponibilizando ainda duas suites, a que se juntam zonas sociais e instalações de apoio de qualidade, num processo de integração da antiga escola primária que está na base deste projecto turístico.

Trata-se de um projecto de iniciativa municipal e que representa um investimento de 305 mil euros e que perspectiva a sua exploração ser objecto de concessão por concurso público, potenciando assim a rentabilização do investimento público e sobretudo dinamizando o empreendedorismo num sector estratégico como é o turismo da natureza associado ao Ecoparque da Aldeia da Pia do Urso e ao Centro de BTT da Batalha.

A expectativa criada em torno deste novo empreendimento deve-se sobretudo à sua componente inovadora e proximidade à conhecida Aldeia da Pia do Urso, projecto ambiental de reconhecido mérito e Prémio Município do Ano, atribuído à Autarquia da Batalha pela Universidade do Minho.

Pela proximidade a vários pontos de interesse turístico, como sejam o Mosteiro da Batalha, as grutas da Moeda e também do Santuário de Fátima, o Hostel da Pia do Urso tem suscitado muito interesse junto dos operadores turístico e amantes da natureza.

“Qualificar a oferta turística e ampliar as condições de alojamento na zona da Aldeia da Pia do Urso, foram preocupações chave para a realização deste projecto, que pretendemos inovador no domínio do design e também ao nível da sustentabilidade ambiental do Hostel”, refere o Presidente da Câmara Municipal da Batalha, Paulo Baptista Santos. “Trata-se também de um projecto inclusivo e que irá privilegiar todos aqueles que são amantes da natureza”, acrescenta o autarca.

Assista ao vídeo de apresentação do projecto no link: 

https://www.facebook.com/MunicipioBatalha/videos/1191578174231497/

Fonte: Município da Batalha

Boas Descobertas!!!

2ª Mostra de Sopas, em Picassinos, Marinha Grande

Após o enorme sucesso da última edição, será já no próximo dia 4 de Fevereiro que Picassinos irá receber a 2ª Mostra de Sopas, no salão de festas da Igreja de Picassinos.

Com início marcado para as 19 horas, a comissão da Igreja de Picassinos conta ter mais de 15 sopas à disposição, para provar e apreciar, oferecidas por restaurante e cafés da região e também por populares.

Além das sopas, não faltarão as bifanas, para os menos apreciadores de sopas, nem o café d’avó e os doces, entre eles as deliciosas filhoses e o apetitoso arroz-doce.

Com este evento a comissão pretende angariar fundos para a pintura da Igreja.

A mostrar Sopas2017.jpgA mostrar Sopas2017.jpgA mostrar Sopas2017.jpg

Boas Descobertas!!!

Leiria dá 21 dias de entrada livre nos Museus em 2017

Em 2017, há 21 datas a reter para os amantes da cultura e do património em Leiria.

Associando-se a um conjunto de datas comemorativas nacionais e internacionais relacionadas com o Património e o Turismo, o Município de Leiria abre as portas para a entrada gratuita nos principais espaços culturais do concelho sob a sua gestão.

No Agromuseu Municipal D. Julinha, no Castelo de Leiria, no m|i|mo – museu da imagem em movimento, no Moinho do Papel, ou no Museu de Leiria, haverá oportunidade de usufruir da oferta cultural e patrimonial do município sem pagar bilhete de entrada.

Esta é uma forma de contribuir para a maior divulgação destes espaços que contam ainda com a dinamização de atividades que visam fomentar um maior usufruto pelo público.

Datas de entrada livre nos espaços museológicos

07 de abril | Dia dos Moinhos – Moinho do Papel

A entrada gratuita no Moinho do Papel prolonga-se durante o fim-de-semana de 08 e 09 de abril no âmbito da atividade Dia dos Moinhos Abertos;

18 de abril | Dia Internacional dos Monumentos e Sítios – Castelo, Moinho do Papel e Museu de Leiria;

18 de maio | Dia Internacional dos Museus – Agromuseu Municipal D. Julinha, Moinho do Papel, m|i|mo – museu da imagem em movimento e Museu de Leiria;

22 de maio | Dia da Cidade de Leiria – Agromuseu Municipal D. Julinha, Castelo, m|i|mo – museu da imagem em movimento, Moinho do Papel e Museu de Leiria;

Maio (data a fixar) | Noite dos Museus – Agromuseu Municipal D. Julinha, m|i|mo – museu da imagem em movimento, Moinho do Papel e Museu de Leiria;

13 de junho | Dia da Elevação de Leiria a cidade (13 junho de 1545) – Museu de Leiria;

12 de Agosto | Dia Internacional da Juventude – Agromuseu Municipal D. Julinha, Castelo, m|i|mo – museu da imagem em movimento, Moinho do Papel e Museu de Leiria;

19 de agosto | Dia Mundial da Fotografia – m|i|mo – museu da imagem em movimento;

28 de Agosto | Dia do Santo Agostinho – Museu de Leiria;

Setembro (dois dias a fixar) - Jornadas Europeias do Património – Agromuseu Municipal D. Julinha, Castelo, m|i|mo – museu da imagem em movimento, Moinho do Papel e Museu de Leiria;

27 de setembro | Dia Mundial do Turismo – Agromuseu Municipal D. Julinha, Castelo, m|i|mo – museu da imagem em movimento, Museu de Leiria e Moinho do Papel;

01 de outubro | Dia Internacional da Pessoa Idosa - Agromuseu Municipal D. Julinha, Castelo, m|i|mo – museu da imagem em movimento, Museu de Leiria e Moinho do Papel;

07 de outubro | Dia Nacional dos Castelos – Castelo e Museu de Leiria;

05 de novembro | Dia Mundial do Cinema – m|i|mo – museu da imagem em movimento.

Para comemorar os aniversários dos museus municipais que assinalarão as datas festivas com programações especiais prevêem-se entradas livres nos seguintes dias:

27 de junho - Agromuseu Municipal D. Julinha;

26 de Setembro - Moinho do Papel;

15 de novembro - Museu de Leiria;

08 de dezembro - m|i|mo – museu da imagem em movimento

 

Fonte: Município de Leiria

Boas Descobertas!!!

Mário Soares: um político com ligações a Leiria

O ex-Presidente da República, Mário Soares, que hoje faleceu, era filho de João Soares, que foi político, professor e pedagogo. Natural do concelho de Leiria, a memória de João Soares foi perpetuada com a abertura da Casa Museu João Soares, em Cortes, Leiria, em Dezembro de 1996.

mario-soares-17-11-98

Foto: Inauguração da biblioteca da Casa Museu João Soares, em Novembro de 1998, nas Cortes, Leiria

 

Por essa razão, Mário Soares mantinha uma ligação a Leiria, cidade onde aliás estudou. Em entrevista concedida ao REGIÃO DE LEIRIA, em 2001, Mário Soares referiu-se à mais antiga memória que preservava do seu pai: “As recordações que conservo do meu Pai reportam-se à mais tenra infância. São pequenas coisas,gestos de ternura e de amor. Nesse tempo remoto, nos anos iniciais da ditadura, o meu Pai tinha uma vida muito ocupada de conspirador republicano em luta pelo restabelecimento das liberdades".

O antigo Presidente da República lembrou ainda que "as Cortes,nesse tempo,ainda não existiam ainda no meu horizonte. Fiz em Leiria,no Liceu Rodrigues Lobo,o meu primeiro exame de admissão ao liceu. O meu Pai estava então preso e deportado nos Açores,na Fortaleza de São João Baptista, em Angra do Heroísmo. Eu tinha feito a quarta classe na escola pública das Caldas da Rainha, albergado então em casa do velho farmacêutico e revolucionário Maldonado Freitas, amigo de meu Pai. Fiquei, depois, em Leiria, em casa do meu primo João Santos,a quem o meu Pai chamava o João preto (por ser muito moreno),duas ou três semanas,a preparar o exame de admissão ao liceu. A casa era no começo da encosta de Nossa Senhora da Encarnação.”

Nessa entrevista, Mário Soares revelou que as mais antigas recordações da cidade do Lis lhe estavam inscritas na memória como ilustrações do burgo descrito por Eça de Queirós,no “Crime do Padre Amaro”. Entre as imagens do passado constam a praça onde ficava a farmácia do Coelho de Freitas, a Sé, e a garagem do seu primo (e do sócio, Senhor Marques) na antiga estrada para a Figueira.

Na altura em que concedeu a entrevista, Mário Soares era deputado europeu. Ao REGIÃO DE LEIRIA abordou ainda  o que entendia dever ser a perspetiva de futuro desta região e da sua ligação à Europa. Uma matéria em que se colocou à disposição de Leiria: “Leiria deve procurar ter um maior relacionamento com a União Europeia, procurando colher o maior número de apoios financeiros no Quadro Comunitário de Apoio. Com conhecimento de causa e imaginação. Nesse particular, como  deputado europeu, modestamente, estou à disposição de Leiria".

Num registo mais descontraído, Mário Soares invocou ainda a gastronomia regional, declarando-se fã: “os grelos de Leiria são incomparáveis, sobretudo quando acompanham a característica morcela de arroz…”, referiu então.

Fonte: Região de Leiria

 

Boas Descobertas!!!

Festival "CLAP YOUR HANDS SAY F3ST!"

CLAP YOUR HANDS SAY F3ST! é um festival que resulta da união de esforços e da colaboração entre três entidades de créditos firmados: Fade In - Associação de Acção Cultural, Omnichord Records e Rastilho Records.

Com o apoio da Câmara Municipal de Leiria, o evento decorrerá durante o primeiro trimestre de 2017 no bonito e estilizado Teatro Miguel Franco, em pleno coração da cidade do Liz.

Entre os dias 6 de Janeiro e 31 de Março actuam naquele espaço algumas das bandas emergentes portuguesas que mais se destacaram no ano que agora finda: The Twist Connection, Ghost Hunt, Quinta-feira 12, Cave Story, Surma, Mira Un Lobo, Ditch Days, Nice Weather For Ducks, Toulouse e O Gajo.

As primeiras partes serão asseguradas por bandas de Leiria (como se sabe, berço fértil em talento musical) que nos vão mostrar o quão ecléctica e valorosa é a "cena local": Horse Head Cutters, Dream Pawn Shop, Country Playground, These Are My Tombs, Marciano, Morphing Treeman, Xpressão Lírica, Aeon Pulse e A Last Day On Earth.

O casamento estético não é nossa preocupação e é deliberado que haja no mesmo dia duas bandas a tocar com géneros e estilos díspares e até antípodas. Interessa-nos essa miscigenação como elemento essencial e preponderante no espírito livre e de mente aberta que queremos celebrar nesta iniciativa.

Para além das componentes lúdicas e de serviço público, o CLAP YOUR HANDS SAY F3ST! terá também uma vincada componente pedagógica: o dia 31 de Março será reservado para a final do concurso ZUS! - um projecto de prospecção e incentivo ao aparecimento de novas bandas de originais nas escolas secundárias e que nas edições anteriores teve vencedores nomes agora firmados no panorama nacional e em ascensão a nível internacional: Surma, Whales (dois projectos resultantes dos Backwater And The Screaming Fantasy) e First Breath After Coma.

Todos os episódios do CLAP YOUR HANDS SAY F3ST! decorrerão à sexta-feira, sempre com início às 21h30, e com o acesso fixo de 5 euros em cada uma das datas.

E agora digam todos bem alto connosco: CLAP YOUR HANDS SAY F3ST!

Foto de Visit Leiria.

Boas Descobertas!!!

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D